Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Beira Mar vs Santa Clara


Santa Clara desloca-se ao terreno do Beira Mar "último classificada da 1ª liga" para carimbar o passaporte na taça da liga, lembre-se que na primeira volta o Santa Cara perdeu por uma boa a zero numa partida de expulsões injustas sobre a nossa turma, vimos um arbitragem super tendenciosa a favor do beira-mar, e com um golo precedido de falta sobre o médio defensivo do Santa Cara, e um penalti por assinalar a favor do Santa aos 90 minutos que o arbitro entendeu ser fora da área.

Temos tudo para nos manter-mos nesta taça.

Força Santa Clara, estamos contigo.

Foto: Taça da Liga

Próxima Jornada nº 12


Jornada nº 12

 JOGO DATA HORA TV 
 Belenenses | Penafiel 01/Nov 20h15 
 
 
 Porto B | Marítimo B 03/Nov 16h00 
 
 
 Trofense | Oliveirense 04/Nov 11h15 
 
 
 Feirense | Covilhã 04/Nov 15h00   
 Tondela | Portimonense 04/Nov 15h00   
 Freamunde | Arouca 04/Nov 15h00   
 Benfica B | Sporting B 04/Nov 16h00 
 
 
 Naval | V.Guimarães B 04/Nov 16h00   
 União | Leixões 04/Nov 16h00   
 Sta. Clara | Atlético 04/Nov 16h00   
 Braga B | Aves 04/Nov 16h00   


segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Santa Clara atribui a Carlos César o título de sócio honorário


A direção do Clube Desportivo Santa Clara decidiu atribuir a Carlos César o título de Sócio Honorário, distinção que lhe será oficialmente entregue no dia 31 de janeiro do próximo ano, data do 92º aniversário dos "encarnados" de Ponta Delgada, refere nota do GACS. 
 
Ao Presidente do Governo dos Açores – que recebeu, em audiência, Costa Martins, Mário Baptista e Manuel Branco, respetivamente presidentes da Assembleia-Geral, da Direção e do Conselho Fiscal do clube – os dirigentes manifestaram o reconhecimento pela ação desenvolvida por Carlos César ao longo dos seus mandatos, a qual consideraram fundamental para o salto qualitativo do desporto açoriano e do próprio Santa Clara, duas vezes promovido ao principal campeonato profissional do futebol português.

"Taça Portugal"Sorteio ditou-nos o Tourizense

O sorteio da Taça de Portugal ditou mais uma deslocação da nossa equipa ao Continente. No dia 18 de Novembro, o Santa Clara joga no terreno do Tourizense.

Realizou-se esta segunda-feira o sorteio da quarta eliminatória da Taça de Portugal.
Ao Santa Clara coube em sorte nova deslocação ao Continente, desta feita ao terreno do Tourizense, equipa da segunda divisão – Zona Centro, e que neste momento ocupa a décima posição da classificação.
O jogo está marcado para o próximo dia 18 de Novembro.


Paços de Ferreira (L1) - Olhanense (L2)
Oliveirense (L2) - União de Leiria (II).
Oliveira do Hospital (III) - Fabril (III).
Académica de Coimbra (L1) - Penalva do Castelo (III).
Pampilhosa (II) - Sporting de Braga (L1).
Lourinhanense (III) - Feirense (L2).
Farense (II) - Beira-Mar (L1).
Vitória de Setúbal (L1) - Vitória de Guimarães (L1).
Desportivo das Aves (L2) - Coimbrões (II)/Operário (II)/Caldas (III). a)
Mirandela (II) - Gil Vicente (L1).
Aguiar da Beira (III) - Marítimo (L1)
Tourizense (II) - Santa Clara (L2).
Nacional (L1) - FC Porto (L1).
Arouca (L2) - Rio Ave (L1).
Belenenses (L2) - Pedras Rubras (III).
Moreirense (L1) - Benfica (L1).

Resumo do jogo Sp. Covilhã 1 Santa Clara 0

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Resumo do jogo Santa Clara-Sporting b a contar para a II Liga de futebol.


O Sporting B venceu esta quarta-feira o Santa Clara por 2-0, nos Açores, resultado que lhe permite ascender à liderança da Segunda Liga, cumprida que está a 10.ª jornada. Os leões entraram em campo mais agressivos e adiantaram-se logo aos 11 minutos, com um golo de cabeça de Diego Rubio. O Santa Clara respondeu no minuto seguinte, com Diogo Tavares a entrar pela direita e, frente a Vítor Golas, não conseguiu fazer melhor do que rematar ao lado da baliza. Aos 30 minutos, o Santa Clara podia ter chegado ao golo do empate através de Diogo Tavares, que, de frente para a baliza, é impedido pela defesa sportinguista e acaba por rematar fraco com a bola a sair fácil para as mãos do guardião visitante. Na segunda parte, o Sporting continuava a demonstrar um futebol de qualidade, perante um Santa Clara muito cansado e a criar poucas jogadas de perigo e menos ainda oportunidades de golo. Aos 73 minutos, Cosme Machado mostrou o amarelo a Paulo Monteiro por ter tocado João Mário nas costas e assinalou grande penalidade a favor da equipa do Sporting, que Ricardo Esgaio, melhor marcador da Segunda Liga, concretizada no minuto seguinte através de um remate certeiro com Hélder Godinho a atirar-se para o lado contrário. Com esta vitória, o Sporting B subiu ao primeiro lugar da tabela classificativa da Segunda Liga com 25 pontos, mais um ponto do que o Belenenses, que desce assim para a segunda posição. O Santa Clara mantém os mesmos 10 pontos na 15.ª posição. Jogo no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada Santa Clara-Sporting B, 0-2 Ao intervalo: 0-1 Marcadores: 0-1, Diego Rubio, 11 minutos 0-2, Ricardo Esgaio, 74 (g.p.) Equipas: Santa Clara: Hélder Godinho, Paulo Monteiro, Accioly, Tony (Pacheco 74'), André Simões, Godinho, Pedro Cervantes (Minhoca 46'), Porcellis, Diogo Tavares (Reguila 60'), Serginho e Platini Suplentes: Brice Niclos, Luiz Carlos, Marco Lança, Pacheco, Minhoca, Reguila e Hugo Rego Treinador: Luís Miguel Sporting B: Vítor Golas, Santiago Arias, Tiago Ilori, Pedro Mendes e Eric Dier; João Mário (Lucas Patinho 90'), Kikas (Julio Alves 78'), Diego Rubio (Gael Etock 90'), Ricardo Esgaio, Bruma e Zezinho Suplentes: Luis Ribeiro, Julio Alves, Sunil Chettri, Jorge Chula, Yang Ruan, Lucas Patinho e Gael Etock Treinador: José Dominguez Árbitro: Cosme Machado (Braga) Ação disciplinar: Cartão amarelo para Toni (32'), Zezinho (64'), Kikas (66'), Pedro Mendes (68'), Paulo Monteiro (73'), Júlio Alves (83') e Porcellis (87') Assistência: Cerca de 700 espectadores

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Santa Clara perdulário perde frente ao Sporting B


Santa Clara perdulário perde frente ao Sporting BAçorianos pecaram na finalização num jogo onde os jovens leoninos rubricaram uma meia-hora inicial de qualidade. Reacção encarnada esbarrou na infelicidade e no critério do árbitro na análise de lances semelhantes.


O Santa Clara baqueou no confronto caseiro com o Sporting B em partida da 10.ª jornada do campeonato da II Liga. Os encarnados de Ponta Delgada perderam por 0-2 com um golo consentido em cada uma das metades num jogo onde os jovens leões mostraram toda a sua qualidade ao longo dos primeiros trinta minutos.

O Sporting B entrou desinibido e confiante e com um futebol ao primeiro toque foram criando dificuldades aos locais. Não surpreendeu, por isso, que aos onze minutos Diego Rubio inaugurasse o marcador após cruzamento de Ricardo Esgaio, médio que pautou todo o futebol dos forasteiros e que aos 73 minutos fixou o resultado final na conversão de uma grande penalidade.

Os pupilos de Luís Miguel demoraram algum tempo até travar o futebol contrário mas quando o fizeram encontraram outro óbice à concretização da vontade de somar pontos: as dificuldades na finalização. O Santa Clara criou diversas ocasiões para marcar mas faltou-lhe eficácia e alguma sorte, como aconteceu quando Tiago Llori evitou que Diogo Tavares marcasse já com Vítor Golas batido.

E depois também houve o critério desajustado de Cosme Machado, árbitro que viu falta no encosto de Paulo Monteiro a Bruma que permitiu a Ricardo Esgaio fazer o 0-2 de grande penalidade, mas não viu infracção semelhante de Eric Dier sobre sobre Porcellis…fonte rtp

domingo, 21 de outubro de 2012

Nogueirense 1 Santa Clara 3

Reguila, Porcellis e Minhoca facturam na passagem a 4ª eliminatória da taça de Portugal frente ao Nogueirense
O Santa Clara venceu em Nogueira do Bravo 1-3 o Nogueirense e segue em frente na Taça de Portugal de futebol.
A formação da casa, que milita na II Divisão, adiantou-se no marcador, depois de uma boa entrada no jogo dos visitados, motivados por receber um adversário de escalão superior. 
Contudo, o golo madrugador de Dani apenas serviu para dar o mote à reacção do Santa Clara, que igualou à passagem do quarto de hora , por Reguila, assumindo desde então o comando do encontro.
O Nogueirense procurou segurar a igualdade, tentando forçar o prolongamento ou até mesmo a lotaria das grandes penalidades, mas o Santa Clara quis resolver o jogo no tempo regulamentar e as alterações operadas na segunda parte acabaram por resolver o encontro.
Minhoca deu o mote com um remate que foi devolvido pelo poste e pouco depois Porcellis consumou a cambalhota no marcador, cabendo a Minhoca - um dos melhores em campo - fechar a contangem com um grande golo.
O Santa Clara segue para a quarta eliminatória que se vai jogar a 18 de novembro. O sorteio está marcado para as 11h00 do próximo dia 29 de outubro, na sede da Federação Portuguesa de Futebol. A/O

Vote no golo de Rafael Porcellis ao serviço do Santa Cara frente ao leixoes

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Santa Clara 3 Leixões 1



Santa Clara regressa às vitórias ao vencer o Leixões 3-1


Santa Clara e Leixões acertam o calendário da Segunda Liga, jogando a partida em atraso da sexta jornada da Segunda Liga de futebol Dois meses depois o Santa Clara regressou às vitórias na Segunda Liga, ao vencer o Leixões por 3-1, em partida em atraso da sexta jornada.

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Comunicado Oficial


Comunicado Oficial

No dia 10 de Agosto deste ano, a Direção do Clube Desportivo Santa Clara publicou no site do clube um comunicado oficial a suspender a participação da equipa sénior nas provas organizadas pela AFPD.
A criação da equipa no início na época de 2011/12 pressuponha um projeto de, pelo menos, três anos onde se pretendia acima de tudo prolongar o tempo de formação dos nossos jovens atletas, mantendo um modelo de treino e jogo adequados, de forma a potenciar as suas capacidades dentro da estrutura do clube, com o intuito de servir mais e melhor a equipa profissional do clube. Este projeto foi encerrado passado uma época desportiva…
Como primeiro e único, até ver, treinador deste projeto foi-me comunicado via telefone um dia antes da saída do comunicado a decisão da direção do clube. A meu ver, e sem querer comentar ou opinar sobre o teor da decisão, penso que a mesma pecou sobretudo por tardia. Efetivamente comunicar a uma equipa técnica e respetivo plantel (elaborado com a concordância da direção e após reunião com a mesma no mês de Maio) que ficam sem clube a 10 dias do suposto início dos trabalhos é no mínimo caricato.
Neste aspeto procurei minimizar danos, contactando todos os atletas que se tinham comprometido com o nosso clube, de modo a que o quanto antes pudessem procurar uma solução para as suas carreiras. Este foi o meu último ato enquanto treinador da equipa sénior do clube.
Neste momento e após 6 épocas, no clube onde me formei como jogador, a desempenhar funções de Coordenador da Formação, Treinador de Iniciados, Treinador de Juvenis, Treinador de Juniores, Adjunto da Equipa Profissional e Treinador Principal da Equipa Sénior da Santa Clara, penso que o meu ciclo no clube, pelo menos por agora, está terminado. Isso mesmo fiz ver à direção na última reunião que tive com a mesma, onde, entre outros assuntos, fiz questão de pedir que fossem resolvidos, o
quanto antes, os assuntos pendentes com a extinta equipa técnica e os agora ex-jogadores da equipa sénior.
Sou e serei sempre Santaclarense, mas também pelo trabalho desenvolvido nas últimas épocas, pelo percurso académico e pelos resultados recentemente alcançados, assumo com legitimidade a vontade de continuar a minha carreira de treinador num projeto sério, equilibrado e sustentado, quer seja na nossa Região quer fora da mesma.
Agradeço a todos pelos anos fantásticos no clube, sobretudo aos treinadores e jogadores que comigo trabalharam. Tenho um orgulho enorme nos homens e jogadores que ajudei a formar e no sucesso deles, mas acima de tudo e mais que títulos e outros reconhecimentos exteriores, levo como maior prémio a amizade e o respeito que sempre demonstraram pela minha pessoa e pelo meu trabalho.
A todos um bem hajam

Com consideração
Pedro Bermonte

terça-feira, 9 de outubro de 2012

V. Guimarães B-Santa Clara, 2-1: Reviravolta vale sucesso


O Vitória de Guimarães B regressou aos triunfos na II Liga, após bater o Santa Clara por 2-1, resultado que permitiu aos vimaranenses a segunda vitória em casa, na 9.ª jornada. Num jogo bem disputado e emotivo, os vimaranenses ficaram em desvantagem, após um golo de Porcellis (46), mas conseguiram a cambalhota no marcador, por intermédio de Índio (68) e Tiago Rodrigues (84). Com este resultado, o Vitória B subiu à 13ª posição, com 10 pontos, enquanto o Santa Clara está no 17.º lugar, com sete pontos. A equipa da casa entrou mais forte na partida e, aos 10 minutos, Tomané esteve muito perto do tento inaugural, quando, em zona frontal à baliza açoriana, atirou, à meia volta, por cima. A equipa forasteira equilibrou, progressivamente, o jogo, controlando a posse de bola. Aos 28 minutos, Tony desperdiçou a melhor oportunidade da primeira parte, quando, com a baliza à mercê, cabeceou por cima. Só nos últimos dez minutos do primeiro tempo a turma de Luiz Felipe voltou a controlar o encontro e esteve perto de marcar, num remate de Índio (41), à entrada da área, que quase surpreendeu Hélder Godinho. A segunda parte começou com o golo do Santa Clara. Alex cobrou um livre do lado esquerdo e Porcellis antecipou-se a Assis para fazer o primeiro golo do jogo. A equipa da "cidade berço" procurou reagir, mas fê-lo com muitos nervos à mistura e, só depois do primeiro quarto de hora, instalou-se no meio campo insular. O Vitória B alcançou a igualdade, quando, na sequência de uma jogada individual, Tomané rematou para defesa incompleta de Hélder Godinho e Índio, na recarga, atirou para golo. Nos dois minutos seguintes, o Vitória dispôs de dois lances para concretizar a reviravolta. De bola parada, Tiago Rodrigues obrigou Hélder Godinho a defesa de recurso. No canto, Tomané cabeceou a milímetros da barra. A equipa de Luís Miguel aliviou a pressão vitoriana por alguns minutos, mas acabaria por sofrer a reviravolta no seguimento de uma falta que deu a expulsão a Luiz Carlos, aos 84 minutos. Kaká entregou para Tiago Rodrigues que, de longe, desferiu um remate que entrou junto ao ângulo esquerdo inferior da baliza de Hélder Godinho. Nos poucos minutos que restaram, o Santa Clara não teve argumentos para alcançar a igualdade, enquanto o Vitória B conseguiu circular a bola longe da sua área. Jogo no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães Vitória de Guimarães B: Assis, Kanú, Paulo Oliveira, Vítor Bastos, Káká, Josué (Pedro Lemos, 80), Bruno Alves, Crivellaro (Tiago Rodrigues, 56), Diogo Lamelas (Rafa, 40), Tomané e Índio. (Suplentes: André Preto, Pedro Lemos, Tiago Rodrigues, Luís Rocha, Rafa, Areias e Tiago Almeida). Treinador: Luiz Felipe. Santa Clara: Hélder Godinho, Luiz Carlos, Accioly, André Simões, Serginho, Tony, Pacheco, Godinho, Pedro Cervantes (Reguila, 72), Porcellis e Platini (Alex, 09). (Suplentes: Brice Niclos, Paulo Monteiro, Marco Lança, Minhoca, Hugo Rego, Reguila e Alex). Treinador: Luís Miguel. Árbitro: Vasco Santos (Porto). Ação disciplinar: Cartão amarelo para Godinho (45+1), André Simões (69), Pacheco (70), Josué (72), Tiago Rodrigues (77) e Luiz Carlos (83 e 84). Cartão vermelho, por acumulação de amarelos, para Luiz Carlos (84).

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Hugo Rego confiante na recuperação


Jovem avançado do Santa Clara acredita que a equipa irá regressar às vitórias 

no próximo domingo, em Guimarães, frente à formação B dos vimaranenses.


Aos poucos começa a conquistar um lugar entre as opções de Luís Miguel.



O Santa Clara prepara o desafio da 9.ª jornada do campeonato da II Liga com o foco


 apontado à vitória. Os encarnados de Ponta Delgada não ganham há seis rondas consecutivas

 mas querem inverter o rumo dos acontecimentos no encontro com o Guimarães B, agendado 

para a tarde do próximo domingo.
A convicção na conquista dos três pontos e o regresso aos triunfos foi vincada por Hugo Rego,

 jovem atacante que explicou também que a equipa insular não tem sido bafejada pela sorte 

como justificativo para os resultados recentes. «Está a faltar-nos um pouco de sorte porque 

temos dado tudo em campo na procura dos três pontos. Em Guimarães, no próximo domingo,

 vamos tentar vencer. Estamos confiantes e estamos a trabalhar bem», disse.


O ciclo de resultados menos positivos não retira confiança ao colectivo orientado por Luís

 Miguel porque existe no seio do plantel a consciência de que o futebol praticado tem sido de 

qualidade suficiente para superar os opositores, mas devido a pequenos pormenores a bola 

tem teimado em não entrar na baliza contrária.

Hugo Rego acredita que as coisas vão mudar depressa e também está confiante que poderá

, aos poucos, ser chamado mais vezes à competição, ele que no passado domingo fez a estreia

 em jogos do campeonato, pouco tempo depois da estreia absoluta ao serviço do Santa Clara 

na partida com o Vasco da Gama, relativa à segunda eliminatória da Taça de Portugal.


Motivos mais que suficientes para estar satisfeito. «Foi o meu primeiro jogo na II Liga e

 posso dizer que em termos individuais correu bem e espero corresponder à confiança que 

depositaram em mim. Quanto ao colectivo, vamos continuar a trabalhar para conseguirmos

 mais vitórias», destacou.

Arquivo do blogue