Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Massacre na Lagoa dá título de campeão

Os nossos iniciados sagraram-se tri-campeões de São Miguel com a goleada (5-0) alcançada na Lagoa, em partida da 12.ª e antepenúltima jornada do campeonato.
 
O dia 8 de Dezembro ficará para a história da formação do Santa Clara que venceu o campeonato de São Miguel em iniciados com uma goleada no «Inferno» da Lagoa, como muitos denominam, com cinco golos sem resposta. E, realmente, foi um jogo para mais tarde recordar: bancadas repletas de público, muita emoção e alegria, uma tarde perfeita para nos sagrarmos campeões e foi o que realmente aconteceu.
Quanto ao jogo em si, na primeira parte acusamos um bocado a pressão do jogo e fomos muito ansiosos e pouco agressivos com bola e sem bola. No entanto fomos sempre a melhor equipa em campo e controlamos o jogo.
Ao intervalo o treinador Hélio Oliveira percebeu que podia vencer a partida e fez uma alteração no xadrez, avançou o nosso capitão João Gomes para o meio-campo e Rodrigo Matos entrou para central. Começou a segunda parte e aí tudo mudou. Como se costuma dizer na gíria do futebol, foi show de bola nos segundos 35 minutos. Marcamos logo nos primeiros segundos através de Mário Prenda (qual trinco, qual médio, este miúdo é um goleador nato).
Logo de seguida, numa rápida transição, aumentamos a contagem para 2-0 pelo inevitável Mário Prenda. Volvidos alguns minutos efectuamos duas alterações, Filipe Medeiros e Rodrigo Lima (este ainda infantil) entraram em campo e partiram a loiça. O 3-0 chegou através de Filipe Medeiros que mal entrou fez o gosto ao pé. O 4-0 chegaria num remate indefensável do herói desta partida, Mário Prenda, e para ser perfeito o nosso capitão João Gomes marcaria o 5-0 de cabeça.
Além dos golos na segunda parte, assistimos ao tic-tac (que só está ao alcance das grandes equipas) que fez vibrar os nossos adeptos nas bancadas naquela que foi uma segunda parte de sonho dos nossos miúdos.
Um campeonato onde claramente mostramos que fomos a melhor equipa em todos os aspectos com um total de 67 golos marcados e apenas 5 sofridos, só na segunda fase, pois na primeira marcamos mais 23 e não sofremos nenhum.
Na formação o mais importante não são os títulos, mas sim formar o atleta como jogador e como homem, mas com isto não se quer dizer que também não seja importante complementar essa formação com resultados desportivos e habituar os miúdos a vencerem batalhas, pois a vida é uma batalha muita longa e dura. Para quem diz que os títulos não interessam é apenas desculpa de mau perdedor.
Parabéns aos jogadores, equipa técnica, directores, condutores, massagistas e adeptos do Santa Clara. Esta é uma vitória toda vossa. Viva o Santa Clara!
No campo João Gualberto Arruda, na Lagoa, o Santa Clara alinhou com: Rodolfo Cardoso; Miguel Botelho (Rodrigo Lima, 50), João Gomes, Cláudio D’Job e Fábio Oliveira; Rodrigo Oliveira, Rodrigo Furtado e Diogo Andrade; Mário Prenda, Luís Pé-Curto (Filipe Medeiros, 45) e João Marques (Rodrigo Matos, 35). Treinadores: Hélio Oliveira e Tiago Melo.

2 comentários:

santa clarense disse...

E diziam que o santa clara tinha acabado com a formacao mais um sapo vivo que alguns saudositas do antigamente teem de engolir

Anónimo disse...

Parabéns, e bem hajam todos aqueles que trabalham em prol do meu/nosso Clube Desportivo Santa Clara.

Arquivo do blogue