Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Santa Clara vence fora e concretiza melhor período da época

Encarnados de Ponta Delgada somaram a terceira vitória consecutiva no campeonato e ocupam, agora, uma posição mais tranquila na tabela. Na II divisão, o Praiense deixou escapar uma vitória que parecia certa. Angrense tem caminho aberto para a subida.


O Santa Clara confirmou na Covilhã que atravessa o melhor momento da época ao vencer o Sporting local por 1-0. A vitória, para além de ter sido a terceira consecutiva no campeonato da Liga Orangina, foi a primeira alcançada fora de casa pela equipa de Ponta Delgada na presente época.

O golo de Monteiro, no início da segunda parte, a coroar uma boa jogada de Alex, foi o corolário da superioridade que o Santa Clara evidenciou em termos tácticos, pois para além de ter conseguido anular os pontos fortes dos serranos que estavam pressionados a vencer para sair da zona de despromoção, logrou também revelar eficácia no ataque que noutros desafios falta fez.

O terceiro triunfo conseguido pelos encarnados coloca a equipa no sétimo lugar, em igualdade pontual com o Desportivo das Aves e Freamunde, mais longe da zona de despromoção e mais próxima dos lugares de subida.

No campeonato da II divisão, o Praiense deu mais um passo atrás na corrida pela manutenção. Frente ao difícil Mafra, a formação da Praia da Vitória até conseguiu o mais difícil que foi colocar-se em vantagem – o golo de Queirós quase deu três pontos – mas nos instantes finais consentiu o empate que o mantém na última posição da zona Sul.

Fragilizado pelo surto de gripe que na semana passada motivou o adiamento do jogo com o Juventude de Évora, o Operário recebeu e derrotou o Oriental por 1-0. O golo de Ruben Rodrigues nos descontos deu corpo à crença fabril de uma equipa que apesar de limitada em termos físicos nunca deixou de acreditar que com paciência e persistência seria possível vencer.

Os três pontos somados pelo Operário colocam-no em igualdade pontual com o Madalena que perdeu (1-0) na deslocação ao terreno do Carregado, resultado algo ingrato para os picoenses que fizeram por merecer pelo menos o empate.

Fechada está a primeira fase da série Açores da III divisão e com o líder a ter caminho aberto para a subida. O Angrense reforçou o primeiro lugar com o triunfo tangencial (1-0) sobre o Prainha, beneficiando do desaire consentido pelo Santiago na deslocação ao terreno do União Micaelense (2-0). A formação de Água de Pau voltou a desiludir e terá dito adeus ao sonho de discutir a subida nesta época.

Quem também aproveitou o desaire dos pauenses foi o Lusitânia que com o triunfo no recinto do último classificado, Vitória, recuperou a segunda posição e dista seis pontos do comandante. Os velhos rivais de Angra do Heroísmo prometem um despique interessante na segunda fase do campeonato.

Na luta pela manutenção, o Capelense ganhou importante fôlego ao derrotar, em casa, o Vilanovense, por 2-1, tal como o Sporting Ideal que apesar de ter empatado diante do Boavista ainda não sabe o que é perder sob o comando de Hernâni Costa e o presidente/treinador já leva quatro jogos ao leme da equipa.

Acácio Mateus

PosClubeJVEDPts.
 1Oliveirense1997334
 2Trofense1996433
 3Feirense1993730
 4G.Vicente1978429
 5Arouca1977528
 6Estoril1976627
 7Aves1975726
 8Freamunde19511326
 9Sta. Clara1975726
 10Leixões1966724
 11Moreirense1966724
 12Belenenses1958623
 13Penafiel1957722
 14Varzim1939718
 15Covilhã19531118
 16Fátima19451017

6 comentários:

Anónimo disse...

Agora SIM ! Estão de facto a dignificar a palavra "Açores" perante o país e o mundo. Bem hajam por isso. Parabéns e continuem, OK ?

Anónimo disse...

Força malta. Sempre acreditei que vocês tinham valor mais que suficiente, para ficar nos primeiros lugares. Basta ver que somos a melhor defesa do campeonato, a par do Estoril. "Pra frente minha gente, que atrás vem gente". Espero continuem!

Anónimo disse...

Só espero que mantenham a forma de jogar que está na origem deste ciclo.
Media dó ver o Santa Clara a jogar com duas linhas de defesa uma na frente da outra e dois avançados a correr atra das bolas que bombeavam la para a frente.
Penso é que há que melhorar a condição fisica da equipa para eles não darem aqueles estouros que se tem visto a meio da 2º parte e não cair no erro antigo de defender resultados de margem curta.
Duas vezes a equipa esteve a ganhar por 2-0 voltou a jogar à moda antiga e duas vezes levou golos que podiam ter comprometido a vitória como já aconteceu noutras ocasiões.
O jogo com o Covilhã não foi excepção. Defendendo no meio campo aversário em vez de recuar até podiam ter marcado mais um golo em e não ter sofrido aquele sufoco até ai fim.
"Pra frente minha gente" que é assim que se ganham jogos.

Anónimo disse...

CONCORDO COM O QUE FOI DITO ANTES, MAS COM ESTE TREINADOR JÁ É BOM NÃO DESCER.
ELE ELE QUE CRESCER MAIS UM BOCADINHO. TER BOAS NOTAS NO CURSO DE TREINADORES NÃO É SUFICIENTE.

Anónimo disse...

Deixem o homem trabalhar...Cada dia vai sendo melhor, porque todos nós, vamos vivendo e aprendendo. TODOS. Força Bruno MOura, força equipa! Força Santa Clara!

Anónimo disse...

Agora sim ! Temos uma equipa. Emancipada, organizada, objectiva, e acima de tudo respeitada, tanto pelos adversários, como também por todos quantos acompanham o futebol e o nosso Clube. Os santaclarenses estão agora rendidos às capacidades da sua equipa profissional de futebol, e já esqueceram as amarguras dos resultados menos bons. Os açorianos estão orgulhosos pelo clube que os representa na alta competição nacional. Assim continuem, são os nossos desejos!

Mário Jorge

Arquivo do blogue