Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

quarta-feira, 21 de março de 2012

Santa Clara é um clube que tem de olhar sempre para cima

Apesar dos dois últimos resultados menos positivos, o lateral esquerdo Nelson diz que a nossa equipa deve continuar a pensar em encurtar distâncias para os primeiros.
 
Depois de seis resultados positivos, o Santa Clara somou no passado domingo, frente ao Desportivo das Aves, a segunda derrota consecutiva, num jogo em que a nossa equipa acabou por pagar um preço elevado por uma primeira parte menos conseguida.
Em conversa exclusiva com o site do cube, o lateral esquerdo Nelson considera que “este foi um resultado menos bom. Claro que, neste momento, ainda há coisas que estão na nossa cabeça, como os momentos negativos, mas também os positivos, nomeadamente aqueles que foram conseguidos no segundo tempo, altura em que, na realidade, estivemos melhor no jogo. Resta-nos ultrapassar isto e pensar já no próximo jogo, frente ao Trofense, que irá ser muito importante para a nossa equipa”.
O atleta não se escusou a abordar a qualidade do grupo de trabalho, referindo que teve oportunidade de “no início de época dizer que este plantel é mais equilibrado do que o da temporada anterior, até porque há mais jogadores para cada posição, há atletas polivalentes e sinto que há, na realidade, mais competitividade entre nós todos”.
Assim, considera, “os 28 pontos que somámos não correspondem à qualidade deste plantel”, destacado, todavia, que “de um ano para o outro ficaram somente sete ou oito jogadores, o que fez com que tivéssemos construído uma equipa nova. Neste momento, estamos numa fase menos boa, mas tivemos seis resultados positivos, antes das duas últimas derrotas. O que me parece é que a nossa equipa é forte e tem valor. Se calhar, contudo, em algumas alturas temos revelado alguma inexperiência, mas isto ganha-se é com os jogos e com as rotinas. A juntar a isto, penso que nos tem faltado alguma sorte, factor que foi evidente nomeadamente nos últimos dois jogos”.
Sobre a aproximação aos lugares perigosos da tabela classificativa, Nelson diz que “o Santa Clara é um clube que tem de olhar sempre para cima. Realmente, estamos numa posição mais próxima dos lugares de descida do que dos primeiros, no entanto, temos todos de pensar que para cima é que é o caminho e que estamos a quatro pontos do sexto lugar. Neste momento, deveremos pensar em encurtar a distância para os primeiros, sem pensar naqueles que estão atrás de nós”.
A terminar, o lateral esquerdo afirma que “os próximos jogos são muito importantes”, lembrando que a Segunda Liga é o campeonato mais competitivo em Portugal, com jogos que se decidem num ou outro pormenor. Em algumas partidas temos falhado em momentos fulcrais e, depois, acabamos por ser penalizados por um ou outro erro cometido”.
Consciente, Nelson diz que “o mais importante agora é pensar jogo a jogo. O próximo é com o Trofense e é nele que devemos estar concentrados. Depois, pensaremos no próximo e assim sucessivamente”.
O Santa Clara desloca-se à Trofa no próximo domingo, num jogo cujo início está agendado para as 15h00 dos Açores. 

fonte/stª Clara

2 comentários:

Anónimo disse...

Grande atleta e grande profissional este NELSON, o nosso defesa esquerdo de raiz, injustiçado por um fraco treinador (?)de futebol. Apesar de tudo ainda acredita. Bem hajas por isso brioso jogador. É que eu, e muitos outros sócios e adeptos, já não acreditamos nem na permanência. Oxalá tenhas razão caro Nelson!

mário jorge!

carvalho disse...

grande nelson, espero e desejo que atingas os teus objectivos. abraço.

Arquivo do blogue