Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Estreia foi prémio merecido

Guarda-redes francês realizou o primeiro jogo oficial pelo Santa Clara e fez um balanço positivo à sua prestação na partida com o Guimarães. Reconheceu que é difícil destronar Stefanovic da titularidade.
 
Brice Niclos estreou-se ao serviço do Santa Clara no jogo que a nossa equipa disputou com o Guimarães, referente à terceira jornada do grupo B da Taça da Liga. O guarda-redes francês foi a escolha do treinador, Bruno Moura, para defender a baliza na ausência do lesionado Stefanovic e a estreia não poderia ter corrido melhor. A nossa equipa venceu e Brice Niclos não sofreu golos, contribuindo para a conquista dos três pontos.
«Foi o meu primeiro jogo como profissional em Portugal e foi muito para mim porque penso ter rubricado uma boa exibição. Na semana que antecedeu o desafio senti algum nervosismo, alguma ansiedade, mas assim que entrei para o aquecimento tudo passou. Foi uma boa sensação e um prémio pelo trabalho que tenho desenvolvido», disse.
O francês de 22 anos esperou quase sete meses por uma oportunidade reconhecendo mérito a quem tem jogado mais vezes. «É, de facto, muito tempo sem jogar mas o Stefanovic tem estado muito bem. Para além disso, estou a discutir a titularidade com um internacional sérvio e com um internacional português (Tiago Maia), pelo que não posso deixar de estar satisfeito pelo trabalho que tenho desenvolvido e esperar que o treinador me chame mais vezes pois é para isso que estou aqui e estou pronto para ajudar», sublinhou.
À alegria de ter jogado junta-se a satisfação da escolha que fez no início da temporada. «Em França estava a jogar num clube da quarta divisão e aqui estou num campeonato profissional. Fui muito bem recebido, sinto-me feliz e integrado mas no início não foi fácil devido à língua. E depois o clima é bem melhor. Em França, por esta altura, estão vinte graus negativos».
Quanto ao futuro, Brice Niclos concentra-se no… presente! «Estar no Santa Clara é uma boa oportunidade e espero, acima de tudo, continuar a progredir», afirmou.

Sem comentários:

Arquivo do blogue