Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Derrota não apaga exibição positiva


A nossa equipa vendeu cara a derrota no terreno do Benfica mas ganhou moral para os jogos que se seguem no campeonato. A exibição no estádio da Luz dá confiança e motivação ao colectivo de Bruno Moura.
 
O Santa Clara perdeu por 2-0 no estádio da Luz, frente ao Benfica, em partida da segunda jornada do grupo B da Taça da Liga, mas ganhou confiança e motivação para encarar o regresso ao campeonato da Liga Orangina com maior entusiasmo. A exibição rubricada no terreno do actual líder do campeonato da Liga Zon Sagres foi, sem dúvida, encorajadora para o futuro próximo.
Nos primeiros minutos ainda se notou alguma natural ansiedade nos nossos jogadores que estavam a pisar pela primeira vez o relvado do estádio, mas depressa colocaram o nervoso miudinho para trás das costas e embalaram para sessenta minutos positivos onde por diversas vezes estiveram perto do golo.
O primeiro remate saiu dos pés de Lourenço, aos onze minutos, desviado para canto por um defensor. Do canto não surgiu perigo mas até à meia-hora o Santa Clara revelou ter a lição bem estudada, apresentando rigor táctico e espreitando o ataque amiúde na tentativa de chegar à vantagem.
Golo que poderia ter surgido aos 30 minutos quando Moreira flectiu da direita para o meio e rematou para defesa de Eduardo para canto. Do canto cobrado Minhoca e depois de um primeiro desvio ao primeiro poste, Sylvestre apareceu solto de marcação a cabecear à figura do guardião contrário em posição para fazer bem melhor.
Só se Benfica no minuto 42, primeiro num remate de Saviola que Stefanovic defendeu para canto com uma estupenda defesa e na sequência do canto Matic cabeceou para nova parada do nosso guarda-redes sérvio. O 0-0 ao intervalo era justo prémio para a atitude positiva do Santa Clara mas a vantagem no marcador nem ficaria mal.
O Benfica começou a tentar inverter o rumo dos acontecimentos ao intervalo com a entrada de Witsel mas a partida manteve-se favorável ao Santa Clara que, sem dificuldades de maior, ia anulando as poucas investidas contrárias. Só que Jorge Jesus tinha mais trunfos no banco e de uma assentada lançou Nolito e Rodrigo.
Nolito que haveria de desequilibrar com a sua velocidade num curto espaço de tempo, oferecendo a Nelson Oliveira e a Witsel a possibilidade de construíram o resultado final com golos aos 67 e 74 minutos. A nossa equipa ainda tentou reagir, Lourenço, de livre directo, ainda fez a bola rasar a trave da baliza contrária, mas a vencer o Benfica geriu a vantagem.
Com esta derrota o Santa Clara fica afastado da luta pelo apuramento para as meias-finais da Taça da Liga mas ganhou força interior para voltar aos triunfos no campeonato já na deslocação a Arouca, no próximo domingo.
No estádio da Luz, o Santa Clara alinhou com: Stefanovic; André Simões, Sandro, Ilic e Paulo Grilo; Pacheco, Lourenço e Minhoca (Djurdjevic); Moreira, Sylvestre (Alex) e Platini (Pipo).
Treinador: Bruno Moura. fonte/Santa Clara

Sem comentários:

Arquivo do blogue