Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

De regresso as vitórias e para continuar


O Santa Clara regressou hoje às vitórias, após oito jogos sem vencer, ao bater o Leixões por 2-0, num jogo da 17.ª jornada da Liga de Honra, no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada.
As duas equipas entraram em campo com uma postura pouco agressiva, com muitos passes falhados e pouca eficácia na construção de jogadas.
O Santa Clara criou a primeira ocasião de golo, aos 10 minutos, com Alex, na esquerda, a tentar servir Platini na área do Leixões, mas Wadson chegou primeiro à bola.
Oito minutos depois, na área contrária, Djurdjevic "cortou" um cruzamento de Feliciano, da ala esquerda, com a mão, numa infração que deveria ter sido punida com uma grande penalidade.
Pouco depois, Pedro Santos e Jumisse desperdiçaram a oportunidade de inaugurar o marcador, o primeiro com um remate forte, que Stefanovic defendeu para a frente, e o segundo com um "tiro" por cima da baliza na recarga.
Aos 34 minutos, Minhoca ainda tentou a sorte de longe mas rematou por alto, e, seis minutos depois, foi a vez do Leixões responder através de Pedro Santos que, descaído pela direita, também falhou o "alvo".
Depois do nulo ao intervalo, o Santa Clara inaugurou o marcador, aos 49, depois de uma excelente jogada construída na direita por Moreira, que cruzou para a finalização de Platini.
Aos 51 minutos, Hélder Malheiro assinalou uma grande penalidade contra o Leixões, por carga de Marcelo sobre Platini, enquanto o "insular" ensaiava um pontapé de bicicleta, após um remate de Minhoca à trave da baliza.
No minuto seguinte, o mesmo Minhoca converteu a grande penalidade, com um remate forte que deixou Wadson sem hipótese de defesa mesmo tendo adivinhado o lance.
Em apenas dois minutos, o Santa Clara estabeleceu-se na frente do marcador vencendo por 2-0.
Aos 67 minutos, o Leixões quase reduziu a desvantagem, através de um cruzamento rasteiro de Hêrnani, que passou por todos os jogadores, incluindo o guarda-redes Stefanovic, sem que nenhum toque e acabou por bater no poste direito da baliza.
O Leixões terminou a partida reduzido a nove jogadores depois da expulsão de Marcelo, que viu o segundo amarelo e consequente vermelho por atrasar a reposição da bola ao Santa Clara, e devido a lesão de Joel.
Após sete minutos de compensação, o Santa Clara garantiu o primeiro triunfo do ano, enquanto o Leixões continua sem vencer desde a 10.ª jornada.
Jogo disputado no Estádio São Miguel, em Ponta Delgada.
Santa Clara: Stefanovic, André Simões, Sandro, Edgar, Paulo Grilo, Djurdjevic (Piccolo, 66), Lourenço, Minhoca (Nelson, 86), Alex (Sylvestre, 45), Platini e Moreira.
Leixões: Waldson, Paulinho, Joel, Fausto, Florent (Hernâni, 54), Jumisse, Marcelo, Paulo Tavares, Pedro Santos, Feliciano (Wesllem, 54) e Diego Mourão (Moisés, 65).
Árbitro: Hélder Malheiro (Lisboa).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Sandro (33), Marcelo (51 e 80), Joel (58), Jumisse (70), Stefanovic (71), Platini (77), Paulo Tavares (82), Lourenço (83). Cartão vermelho por acumulação de amarelos a Marcelo (80).
fotos/AO

Sem comentários:

Arquivo do blogue