Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

quarta-feira, 23 de março de 2011

Breves

Dionattan falhou regresso do Moreirense


Dionattan falhou, ontem, o primeiro treino da semana do Moreirense. O médio sofreu um traumatismo na coxa direita no jogo com o Leixões, na passada jornada da Liga Orangina, mas o departamento médico dos axadrezados acredita que poderá regressar ainda esta semana. Antchouet, ao serviço da selecção do Gabão, também esteve ausente.

Estoril conta com o central Bruno Andrade

P.M.A.
O defesa-central Bruno Andrade entra nas opções de Vinícius Eutrópio para a recepção ao Trofense, na abertura da 23ª jornada do campeonato. O jogador, que sofreu um traumatismo num tornozelo frente ao Aves, foi reavaliado e dado como recuperável para o encontro agendado para dia 31. Uma boa notícia para o técnico dos canarinhos, que precisa de uma vitória para manter a esperança de subida ao escalão principal.

Arantes falha resto da época no Gil Vicente

M.V.
Os jogos com o Feirense foram, definitivamente, para Paulo Arantes esquecer. O defesa do Gil Vicente jogou apenas seis minutos no encontro da primeira volta antes de ficar afastado, por lesão, mais de três meses. Na partida da 21ª jornada, realizado no Estádio Cidade de Barcelos, Paulo Arantes saiu lesionado ao intervalo. O jogador sofreu uma rotura dos ligamentos do joelho direito e vai parar por um período não inferior a seis meses.

"Caso Schmidt" pode roubar pontos

A Direcção do Belenenses está numa situação difícil dado que, esgotados todos os recursos possíveis, se vê condenada a pagar ao Avaí uma compensação pela formação de Thiago Schmidt a rondar os 400 mil euros. Dinheiro que o clube do Restelo não tem de momento, mas que precisa encontrar até ao fim da semana. Segundo as leis vigentes, o incumprimento desta dívida pode levar, em última análise, à perda de pontos na Liga Orangina e aproximar o emblema do Restelo dos escalões não profissionais. Schmidt nunca foi opção e joga actualmente pelo Boavista, do Rio de Janeiro.

Paragem provoca ansiedade ao líder

A.C.
A Oliveirense vai aproveitar a paragem no campeonato para recuperar os jogadores que estão entregues ao departamento médico. A William e Pimenta juntam-se agora Pedrinho e Guima, com dores musculares. Já Laranjeira, com um estiramento no ligamento lateral interno, é o caso mais grave e deve afastar o capitão da Oliveirense dos relvados no que ainda falta jogar esta época. Pedro Miguel considera a paragem benéfica neste sentido, mas adianta que "queríamos continuar a competir para não prolongar ainda mais a ansiedade", numa alusão à luta pela subida de divisão.

Nildo como uma luva

S.G.
O Trofense assumiu-se como forte candidato à promoção, não saindo dos lugares de subida desde a 17ª jornada. A boa campanha do emblema da Trofa também se deve à produção de Nildo Petrolina, que na sua época de estreia leva já sete golos, sendo o melhor marcador da equipa.
A adaptação à Europa foi fácil, apesar de não se ter dado bem "com o ar abafado". Nildo preparou-se ainda no Brasil, tendo "perguntado a alguns colegas como era o futebol europeu, mal soube que vinha para o Trofense." Também a "presença da esposa" ajudou o atleta a sentir-se em casa e "a jogar com alegria". O facto de "o treinador deixar os jogadores à vontade" contribuiu ainda mais para a boa adaptação, sendo que foi por indicação de Porfírio Amorim que o brasileiro atravessou o Atlântico. Apesar de no Salgueiro, no Brasil, actuar mais vezes como lateral, o técnico viu em Nildo virtudes para jogar a extremo porque "as características da equipa apoiam" a sua utilização mais perto da baliza adversária, o que explica também o facto de esta estar a ser a sua época mais produtiva. Produção essa que o atleta quer ter no escalão máximo: "Vinha mentalizado para subir", concluiu Nildo Pretrolina.

CLASSIFICAÇÃO DETALHADA "LIGA ORANGINA"
CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Sem comentários:

Arquivo do blogue