Windows Live Messenger + Facebook

Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Breves

Adeptos apoiam Covilhã em peso com o Moreirense

Uma grande falange de apoio do Covilhã irá marcar presença em Moreira de Cónegos. Os últimos números, dão conta de três autocarros cheios, o que deixa antever mais de duas centenas de apoiantes da equipa serrana frente ao Moreirense. Esta invulgar comitiva de apoio ao Covilhã, só se justifica face à situação delicada que os serranos atravessam. É que apesar de terem vindo a recuperar nos últimos jogos, a sombra da descida continua bem presente.

Mais opções para Francisco Chaló no Penafiel
Boas notícias para o técnico Francisco Chaló na preparação do jogo com o Aves, domingo. Ferreira e Pedro Coronas recuperaram das lesões que os afectaram nos últimos dias e, por isso, estão disponíveis para jogar na recepção à equipa avense. Por outro lado, Bruno Madeira permanece em dúvida.
Invasão Feirense em Oliveira de Azeméis
Centena e meia de adeptos do Feirense já se inscreveu na excursão organizada pelo clube para o jogo em Oliveira de Azeméis, domingo. O sonho da subida está na mente dos azuis da Feira, que querem o máximo de apoio neste jogo importantíssimo na casa do vizinho e líder do campeonato à partida para a 23ª jornada. De resto, o médio Thiago é recuperável para o jogo, depois de ter sofrido uma entorse no pé direito, no sábado, no amigável contra o Leiria. 
Dúvidas acumuladas deixam futuro cada vez mais incerto
As assembleias gerais de 5 e 6 de Abril (SAD e clube) do Belenenses prometem turbulência. Agora que se sabe que António Soares, sucessor de João Almeida, só fica na SAD se for remunerado, não é de excluir que haja novo acto eleitoral intercalar pois a posição do dirigente caiu mal na última reunião do Conselho Geral.
A situação do clube continua dramática. O JOGO apurou que há funcionários com mais de seis meses de salários em atraso e, em sectores como o departamento clínico, o atraso vai em dez meses. Já o plantel sénior recebeu pela última vez em Janeiro, vencendo-se dia 5 de Abril o terceiro mês de atraso. A isto junta-se que, a 1 de Maio são precisos 40 mil euros para pagar ao Avaí, por Thiago Schmidt, além das mensalidades do PEC e do empréstimo contraído no BANIF.
Equipa foi à escola promover jogo com o Feirense
Uma vitória da Oliveirense, domingo, aumenta não só para seis pontos a diferença sobre o Feirense, terceiro colocado, como dá vantagem ao líder no confronto directo, em caso de igualdade pontual. Pedro Miguel conhece bem o adversário, onde jogou durante seis épocas e que ajudou a subir à I Divisão em 1988/89. Na última época, a subida de divisão escapou à Oliveirense nas duas últimas jornadas, tendo perdido a liderança na penúltima, precisamente no reduto do Feirense. O treinador não afasta a possibilidade de o cenário se repetir e admite que a promoção é a "ambição" da equipa que comanda há sete épocas.
Ontem, a Oliveirense promoveu o jogo com o Feirense junto dos mais novos. Na Escola Bento Carqueja, o rebuliço foi muito, com as crianças a ansiar por um autógrafo do treinador e dos jogadores Laranjeira - ausente do jogo por lesão -, Banjai, Bruno Vale e Yero, mas mais ainda por um ingresso grátis.
Empate caiu do céu
Num final de tarde ainda solarengo no Estoril, canarinhos e trofenses encontraram-se num jogo com muita emoção mas pouca inspiração e onde o empate selado ao cair do pano por Clodoaldo acaba por ser um justo desfecho.
Com uma entrada em campo mais forte, os homens da Linha cedo festejaram, mas o golo de Alex Afonso, aos 13', acabou anulado por falta do avançado. Mantendo o ritmo e aproveitando os desequilíbrios de Luís Leal, o Estoril chegaria à vantagem sobre o final da primeira parte, num remate colocado e à meia volta do são-tomense.
O segundo tempo trouxe um Trofense mais fresco e, aos 47', Licá restabelece a igualdade, a passe de Nildo. Os ânimos foram aquecendo e, aos 59', João Ferreira marca penálti para o Estoril. Alex Afonso desperdiça e é aí que se dá a queda dos estorilistas, que viram Licá bisar após mau alívio de Cléber. Até final, o jogo tornou-se atabalhoado com a procura incessante do empate pelos homens da casa que viria a chegar num golo de cabeça de Clodoaldo. Um empate que põe os canarinhos mais longe da subida.

Declarações

"O penálti foi decisivo. A subida ficou mais complicada
Vinícius Eutrópio, treinador do Estoril


"O resultado desilude-nos, mas fomos uma grande equipa
Porfírio Amorim, treinador do Trofense

Sem comentários:

Arquivo do blogue