Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

terça-feira, 20 de abril de 2010

Rincon e Gonçalo marcaram presença na sala de imprensa do Estádio de S. Miguel


O avançado e o defesa central marcaram presença, ao final da manhã, na sala de imprensa do Estádio de S. Miguel.

O Clube Desportivo Santa Clara prepara-se para encarar as últimas três partidas da Liga Vitalis, numa altura em que a luta pela promoção está ao rubro.

Ao final da manhã de hoje, Rincon e Gonçalo marcaram presença na sala de imprensa do Estádio de S. Miguel, onde, perante os jornalistas, abordaram o que falta da temporada.

Em dia de aniversário (completa hoje 33 anos), Rincon afirmou que a melhor prenda que poderia ter seria a subida de divisão. “Não só para mim, mas para todo o grupo de trabalho, o melhor presente seria subirmos à primeira liga. Estamos todos a trabalhar para atingir este objectivo”.

Desvalorizando os resultados averbados pelos adversários no passado fim-de-semana, o avançado preferiu sim enaltecer a vitória conquistada frente ao Freamunde, concentrando atenções já na partida contra o Trofense. “Será mais um jogo complicado, o qual vamos enfrentar com humildade, mas com o firme propósito de trazermos os três pontos”, afirmou Rincon.

Gonçalo, por sua vez, reafirmou a união que se vive no grupo de trabalho encarnado. “O balneário está todo unido. Nesta fase final, não importa quem joga ou não. Temos de estar todos do mesmo lado. Se subirmos, ganhamos todos. É nisto que estamos focados”, realçou o defesa.

Numa análise individual, o companheiro de Danilo no centro da defesa encarnada disse que “desde o início sempre fui o mesmo. O Santa Clara fez um campeonato sempre entre os cinco primeiros classificados. A defesa esteve bem, como se prova por sermos um dos conjuntos com menos golos sofridos. Quando não jogava não era por falta de trabalho ou de qualidade, mas sim por opção do treinador e pelo bom momento dos meus colegas. Felizmente a minha oportunidade chegou e as coisas estão a correr bem”.

Sobre a partida com o Trofense, Gonçalo diz que o jogo é importante, mas não é crucial. “Não dependemos só de nós, mas se ganharmos os nossos jogos penso que os adversários irão perder pontos”, sublinhou.

www.cdsantaclara.pt

PB


Sem comentários:

Arquivo do blogue