Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

quarta-feira, 22 de julho de 2009

“Na força do Santa Clara… nós acreditamos”


Miguel Simas, vice presidente e actual responsável pela área financeira do CDSC, na cerimónia de apresentação do Santa Clara 2009-10, recebeu e galvanizou os sócios e restante família santaclarense com o empolgante discurso a seguir reproduzimos.




Senhor Presidente da Assembleia-geral do CDSC; Sócios e simpatizantes do Clube Desportivo Santa Clara; Minhas Senhoras e meus Senhores:

Estamos aqui para comemorar o início de mais uma época desportiva, neste caso do futebol profissional do Clube Desportivo Santa Clara. Queria saudar a equipa técnica, superiormente liderada pelo Professor Victor Pereira, que é um jovem técnico com muitos conhecimentos do jogo e um bom condutor de homens.

Meus amigos não é fácil gerir um grupo relativamente alargado de jovens nos tempos que correm. Não foi por acaso que na época anterior deixou de se ouvir falar, na cidade de Ponta Delgada, dos jogadores do Santa Clara.

Não posso também deixar de referir o facto do Prof. Victor Pereira ter sacrificado a maior parte do seu tempo de férias a tirar o curso de Treinadores UEFA Professional IV Nível, e em que ficou em 2º. Lugar no meio de 34 colegas com a média final de 17,9. Victor é uma honra para o CDSC ter-te como treinador. Por isso podes contar com todo o nosso apoio, parta além da amizade e consideração que nutrimos por ti. Contamos contigo para, pelo menos, os próximos dois anos.Por tudo isso e também pelo belíssimo trabalho da época anterior eu pedia à Assembleia uma salva de palmas ao Victor e sua equipa técnica.

Para os Jogadores.

Embora já o tenha feito, gostaria de, aos repetentes felicitar-lhes mais uma vez pelo esforço e dedicação que tiveram para com o Clube D.S.Clara na época anterior. Com o vosso trabalho honesto e dedicado bem como com a sua postura desportiva e cívica não tenho dúvida que ajudaram também a engrandecer e dignificar o Clube.Aos novos que agora chegam peço-lhes que sigam o exemplo dos companheiros que já cá estavam. Trabalho muito trabalho e, no fim, todos seremos recompensados dos esforços, com os resultados, certamente positivos, que iremos conquistar.A todos os artistas do jogo atrevia-me a pedir, desde o início, vontade de vencer, de ganhar todos os jogos, fazendo sempre melhor que o adversário mas sem nunca lhe faltar ao respeito.

O atleta, como qualquer outro profissional, é um cidadão e como tal tem que se reger pelas normas sociais. Assim também se dignifica o Clube.

Faço votos que todos tenhamos uma época desportiva com muitas vitórias e sem casos.A actual Direcção do C. D. S. Clara, presidida pelo Manuel da Cruz Marques, ao tomar posse há um ano precisamente, traçou os seguintes objectivos:

- Credibilizar o Clube junto da sociedade;

- Manutenção na Liga de Honra;

- Amortização do Passivo.

Elegeu-se como slogan para este mandato:

“Na força do Santa Clara… nós acreditamos”.

Gerir o Santa Clara, meus amigos, não tem sido fácil. Os recursos necessários para satisfazer as obrigações são extremamente escassos.

Impossibilitados de início, não só pela crise económica instalada mundialmente como na total descredibilização do Clube, em aumentar as receitas, tivemos que nos virar para a redução das despesas.Tivemos a coragem de tomar medidas drásticas cujos efeitos económicos já começaram a surtir efeitos.

Continuando a desenvolver uma gestão correcta permitir-nos-á reduzir o Passivo e assim, definitivamente, a credibilização do Clube junto das instituições, das empresas e da sociedade em geral.Garanto-vos que todos nós Directores faremos tudo o que estiver ao nosso alcance para não faltarmos com os nossos compromissos para com o grupo de trabalho. Aguardamos a respectiva retribuição da vossa parte.PATROCINADORES.

Para a próxima época contamos com todos. Não tenham medo nem vergonha de estarem ao lado do Santa Clara porque o Clube tem uma Direcção respeitada e respeitável, com obra feita, e que, cada vez mais honrará os compromissos do Clube.

Não podemos deixar de agradecer todo o apoio e compreensão manifestados pelo Governo Regional dos Açores e outras instituições que de uma forma geral, tem vindo a dar ao maior e mais representativo Clube dos Açores

AOS TRABALHADORES DO CLUBE:

Os nossos agradecimentos pelo empenho e dedicação com que desempenham as suas funções. Agradecemos a sua disponibilidade e, por vezes, a capacidade de aguardarem algum tempo para receberem os seus salários.

SÓCIOS:

Os nossos agradecimentos aos sócios do Clube, não só pelas quotas que pagam mas também pelo incentivo e alento que nos transmitem.

Agradecemos a sua presença assídua no Estádio de São Miguel, apoiando a equipa de todos nós, nos bons e nos maus momentos.

RED BOYS ON FIRE:

Uma palavra de apreço à claque do Santa Clara que, curiosamente, nasceu espontaneamente na Freguesia do Livramento.

Quando há jogo, dá gosto ouvi-los a entoar os seus cânticos, caminho acima em direcção ao estádio.

Realço que, apesar de alguma irreverência própria da juventude em que predomina a já celebre interrogação “ Quem é tê pá quem é tê pá”, têm manifestado um enorme respeito e acatamento das ordens e instruções a que os agentes de segurança os sujeitam, aquando da entrada para o recinto desportivo.

Contamos com o vosso apoio para a próxima época.



COMUNICAÇÃO SOCIAL:


Lamentamos ter que o dizer mas nem sempre se portou bem na época anterior.

Ao longo do campeonato alguns órgãos de comunicação social houve que pouco ou nenhum relevo deram a alguns factos que consideramos importantes.

Outros houve, estes de uma forma pior, que tentaram desestabilizar quer a Direcção quer a equipa de futebol, criando casos inexistentes ou valorizando em demasia outros que, existindo, não havia qualquer razão para lhes dar o eco que foi dado.Contudo respeitamo-la.

Aguardamos sinceramente que na próxima época tenhamos um melhor apoio da comunicação social.

Permitem-me ainda que, com a devida vénia, realce a forma como um verdadeiro jornalista, este sim, o João de Brito Zeferino, se referiu ao Santa Clara no Atlântico Expresso do passado dia 06 de Julho

Viva o Santa Clara…

Viva o Santa Clara…


fonte
www.cdsantaclara.pt

Sem comentários:

Arquivo do blogue