Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

sábado, 18 de julho de 2009

Vítor Pereira assegura Santa Clara mais competitivo

Vítor Pereira, técnico do Santa Clara, equipa da Liga Vitalis de futebol, assegurou esta sexta-feira, no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada, que a equipa está agora mais competitiva do que na época passada.
“Este ano acredito que estamos mais fortes e mais experientes, porque, tanto os técnicos como os jogadores, têm um melhor conhecimento da Liga em que competimos. Procurámos refinar a equipa em termos de contratações para procurarmos um jogo mais rápido e agressivo”, vincou, em conferência de imprensa.
Com um primeiro ano de “aprendizagem”, o técnico dos “encarnados" de Ponta Delgada considera que este ano há expectativas maiores em torno dos resultados da equipa, tendo em conta o bom desempenho da época passada.
“Não temos receio de assumirmos que vamos ter uma palavra a dizer no campeonato. Agora, não podemos dizer que vamos fazer melhor que o ano passado, porque não conhecemos os adversários. Só no evoluir do campeonato é que saberemos a capacidade real da equipa”, salientou.
Apesar do futuro ser uma incógnita, Vítor Pereira espera que o estágio de duas semanas que o Santa Clara vai realizar até 01 de Agosto em Quiaios, Figueira da Foz, sirva para “detectar e corrigir alguns erros”, para que no início do campeonato a equipa já esteja em condições de lutar pelos três pontos.
O Santa Clara parte ainda hoje para Lisboa às 15:00 dos Açores (16:00 em Lisboa), de onde segue de autocarro até à Figueira da Foz.
A equipa viaja sem Rodrigo Parreiras, que foi obrigado a regressar ao Brasil devido aos problemas de saúde da mãe e que já o tinham forçado a integrar os trabalhos de pré-época mais tarde que os seus parceiros.
Vítor Pereira espera que a situação se resolva depressa para que o jogador regresse ao Santa Clara “de corpo e alma”, caso contrário o clube vai ter de procurar uma outra solução.
O Santa Clara está prestes a fechar o plantel, faltando apenas três atletas, um médio, um avançado e um guarda-redes, que a direcção já está à procura no mercado.

1 comentário:

Anónimo disse...

És mesmo mum TOINO nem pró Espinho servias como treinador e agora queres levar o StªCl. á 1ª liga ?
Desves ser maluco, só se o Teu Padrinho PC der uma ajudinha com a fruta e os cafézinhos.

Arquivo do blogue