Chat

Este blogue é, e continuará a ser, um espaço de debate aberto e democrático sobre os assuntos do nosso Santa e da nossa Região. No entanto, não será admitido qualquer comentário que ultrapasse as regras do bom senso e da educação. Comentários insultuosos, ameaças e faltas de respeito para com os demais serão moderados, tendo a administração do blogue a autoridade e o dever de agir em conformidade contra os infractores - através de todos os mecanismos de protecção do mesmo. Saudações Santaclarenses RBOF

Resultado na hora

terça-feira, 28 de julho de 2009

Pedro Castanheira vai ser excluído: Santa Clara pode começar Liga de Honra com pontos negativos
















A equipa do Santa Clara está em dificuldade para honrar o compromisso de pagar, pela segunda vez, (já que da primeira o dinheiro não chegou ao destino) uma dívida de 150 mil euros a uma equipa do Brasil. Não fora o facto de alguns elementos da direcção empenharem as suas próprias vidas para pagarem a dívida a prestações, o Santa Clara começaria este ano a Liga de Honra com pontos negativos. Entretanto, os tribunais confirmaram que foi Pedro Castanheira (em liberdade condicional) a ficar com os 150 mil euros e a direcção do clube vai apresentar uma proposta à próxima Assembleia Geral para a sua exclusão do clube.


O Santa Clara vive hoje dificuldades financeiras por causa do célebre caso de da dívida de 150 mil euros a um clube brasileiro que a direcção disponibilizou com este fim e não chegou ao seu destino? O Santa Clara tem dificuldades financeiras por isso e por outros casos que herdámos de gestões anteriores e que estamos a tentar resolver com a maior dignidade e capacidade financeira possível. Daí que tenhamos, nesta altura, alguns constrangimentos de tesouraria no presente.
Este caso da falta de pagamento dos 150 mil euros ao clube brasileiro pode levar o Santa Clara a ser penalizado pela FIFA
Sim, pode. Tínhamos um acordo com o clube brasileiro para pagar a dívida a prestações. Devido a dificuldades de tesouraria, que não conseguimos resolver em tempo útil, atrasámo-nos nos pagamentos. O clube brasileiro não reagiu bem e, agora, recebemos um ofício da FIFA a que temos de responder até ao dia 14 de Agosto a informar que nos pode levantar um processo disciplinar que poderá levar, eventualmente, a uma multa pecuniária ou até a iniciarmos a Liga de Honra com pontos negativos. Mas tudo iremos fazer para que isso não aconteça. Nós, com o nosso advogado Ricardo Pacheco, estamos a tentar junto do clube brasileiro um acordo para continuarmos a pagar a prestações. Enviamos a semana passada uma nova prestação de 15 mil euros e, no total, já pagámos 60 mil euros.

Se fosse a pessoa que não pagou os 150 mil euros ao clube brasileiro, apesar de ter o dinheiro e ser mandatado para isso, voltaria a entrar nas instalações da sede do Santa Clara?
Obviamente que não voltaria. A não ser que estivesse convicto da minha inocência. Realmente, o senhor Pedro Castanheira teve oportunidade de se defender nos tribunais. Foi condenado em primeira instância a três anos de prisão com um ano de pena suspensa. Recorreu para o Tribunal da Relação e não foi dado provimento ao seu recurso. A sentença já transitou em julgado e, portanto, foi feita a justiça.

Isso quer dizer que o julgamento provou que ele ficou com os 150 mil euros?
Acusa-o de abuso de confiança e de, realmente, ter subtraído do clube 150 mil euros que não sabemos para onde foram.

Houve uma tentativa de acordo para pagar metade da dívida
Na verdade, o dr. Taipas ele autorizou-me a utilizar o seu nome teve uma reunião comigo em que me apresentou uma pessoa, eventualmente amiga do senhor Pedro Castanheira que estaria disposta a repor este dinheiro. E daí resultaria um acordo com o Tribunal. Foi-nos oferecido 70 a 75 mil euros e eu disse que, pessoalmente, não aceitaria mas que levaria o assunto à direcção. Na reunião de direcção, os meus pares decidiram, por unanimidade, que só poderiam aceitar uma negociação desde que fossem pagos os 150 mil euros e as custas dispendidas com o advogado. As nossas pretensões foram transmitidas ao negociador e até admitíamos que nos poderiam avançar os 70 mil euros e que o montante seria pago a prestações desde que tal fosse aceite pela juíza do quinto juízo no Tribunal de Ponta Delgada. Até há pouco tempo não recebemos nenhuma contra-proposta e, então, o nosso advogado avançou com uma carta junto do Tribunal a informar que até a esta data não tínhamos sido ressarcidos com o dinheiro de acordo com a sentença e que, portanto, dávamos continuidade ao processo.

Apesar das dificuldades financeiras, o Santa Clara vai conseguir pagar a dívida
Vamos conseguir, com muito sacrifício. Temos de fazer uma engenharia financeira. Temos de recorrer à banca. Temos que dar avales pessoais e empenhamos bastante as nossas vidas, mas vamos fazer tudo para cumprir.

Esta é uma situação injusta para o clube?
Sim, é uma situação injusta para o clube. Mas não temos saída. Temos que honrar esta dívida do clube. Se não pagarmos, seremos penalizados pela FIFA.

Admite a hipótese do Santa Clara perdoar a Pedro Castanheira?
Só os sócios é que, em Assembleia Geral, podem perdoar Pedro Castanheira.

Vai surgir uma proposta para erradiar o Pedro Castanheira do Santa Clara?
O vice-presidente do clube, Miguel Simas, na última Assembleia Geral anunciou que irá apresentar uma proposta - que será discutida em reunião de direcção e de acordo com os Estatutos para a real exclusão do senhor Pedro Castanheira como sócio. Como sabe, e de acordo com os Estatutos, a direcção terá que propor à Assembleia Geral. São os sócios que hão-de decidir com base nos argumentos que a direcção vai apresentar.

Autor: João Paz
Correio dos Açores on line

2 comentários:

Anónimo disse...

Se eu apanho este Sr. Pedro xastanheira na rua ponho-lhe o carro por cima, filho da puta, só nos tr+as problemas a trás de problemas, ainda o outro dia deu a cara numa entrevista ao AO, mais um que tb não espera por levar, e mais n digo, mas de uma coisa é certa, ponham-sse a pau.

Anónimo disse...

o meu deus tava tudo a acorer tbm agr tinha de estar a dever dinheiro e ainda por cima começar a epoca com ponts negativos gande merda desculpem o termo

Arquivo do blogue